Posts

7 mágicas que te faram famoso no Instagram

1- Nome de usuário

Já viu aqueles perfis, que tem nomes que nem a própria pessoa consegue pronunciar, por exemplo “Theflashmanworld”, para que isso? Com certeza as pessoas não irão te achar e não irão perder tempo te procurando.

Tenha um nome de usuário simples, de fácil pronunciação, de fácil acesso, pode ser difícil mas com um pouco de criatividade você irá encontrar um nome especial para seu perfil. Vamos dar um exemplo:

“Theflashmanworld” poderia ser “The_Flash” ou “Homem_Flash” coisas em que as pessoas já estão habituadas a falarem.

2- Bio

Tenha uma Bio de destaque, A biografia para Instagram da sua marca precisa explicar quem você é e o que você faz, transmitir a personalidade sua ou da sua marca e usar um idioma direcionado para mostrar ao seu público-alvo ideal que eles estão no lugar certo.

Essa é uma demanda grande para um espaço pequeno — você tem apenas 150 caracteres — portanto, seja criativo. Use hashtags ou links para outro perfil (com a @) mostrando suas relações de trabalho (cargo na @nomedaempresa), familiares (filho de @nomedaarroba) ou artísticas.

ganhar-dinheiro-com-o-instagram
  • Emojis

Mesmo que você ache que os emoji são muito fofos para usar na maior parte das vezes — principalmente sobre comunicação de uma marca — convém adicioná-los. Com apenas um caractere eles podem informar ideias bem mais complexas. Um emoji pode não valer mais que mil palavras, mas onde a contagem de caracteres é pequena…

Um emoji de carta (📧) já indica o significado de endereço de e-mail. Ou um emoji de bola (⚽) pode anteceder o time de futebol. Você pode usar o emoji de fantasma (👻), por exemplo, para incluir seu nome de usuário do Snapchat. Outro emoji comumente usado ​​dessa maneira são o pino de localização (📍) para informar locais.

Você pode pesquisar por mais usando palavras (em inglês) aqui: emojipedia.org.

  • Quebras de linha

As quebras de linha e o espaçamento permitem que você divida sua biografia em pequenos pedaços de informações que são fáceis de visualizar, para destacar as coisas mais importantes. Combine quebras de linha com emojis, funciona bem.

Tente fazer isso editando o texto em um bloco de notas no Android ou no iPhone (iOS), depois copie e cole. Ou, ainda, use o Instagram Web. Visite seu perfil do Instagram, selecione “Editar perfil” e espace sua biografia como você desejar de forma mais fácil.

Quebras de linha e o espaçamento nem sempre funcionam da mesma forma para exibições na Web e em dispositivos móveis. Você pode priorizar a aparência mobile.

  • Informações de contato

Além de dar curtidas e seguir sua conta, alguém pode ter mais interesse no seu trabalho. Como essa pessoa vai se conectar com você no futuro? Inclua suas informações de contato, como um endereço de e-mail, para que os usuários possam escrever para essa conta (em vez de deixar um comentário ou tentar a sorte no Instagram Direct).

Se você está atualizando o perfil de uma loja, por exemplo, vale a pena informar o horário comercial, isso torna a vida de seus seguidores um pouco mais fácil e evita receber mensagens no inbox fora de hora ou durante um fim de semana ou feriado.

  • Call to action

Como qualquer boa comunicação de marketing, sua biografia do Instagram deve incluir um call to action (apelo à ação). O que você deseja que os visitantes façam depois de visitar seu perfil? Visite seu Facebook? Siga seu Twitter? Compre seu livro? Pense nisso.

Seja claro ao pedir a seus visitantes que façam algo, usar uma hashtag ou compartilhar posts. Certifique-se de que o seu comando esteja alinhado com o link da sua bio.

  • O que te faz especial

Um bom perfil no Instagram descreve com precisão o que sua empresa ou você é e o que faz. Parte disso são as habilidades ou serviços exclusivos ou seu jeito pessoal e único.

Você é um negócio local? Seu produto é feito eticamente? Que outra curiosidade pode contar sobre si mesmo? Essa também é uma ótima maneira de mostrar sua personalidade e deixar claro que não se trata de outra pessoa com um nome parecido.

Com essas ideias na cabeça e a sua biografia para Instagram em mãos, faça o possível para caber tudo em 150 caracteres ou menos que isso. Use um contador de palavras.

3- Site

Este é o único lugar em todo o Instagram, onde você pode postar um link clicável — caso você tenha mais de 10 mil seguidores e uma conta verificada no Instagram isso se torna possível no Instagram Stories. Você pode alterar a URL do site quantas vezes quiser no seu perfil de Instagram para vincular ao conteúdo mais recente ou mais importante do seu blog, site ou loja (como um post ou vídeo, o famoso “link na Bio”).

Tente usar um encurtador de URL com um código de acompanhamento para obter estatísticas em tempo real sobre os visitantes do Instagram. Outra dica é usar uma página de identificação como as do about.me, por exemplo, na sua biografia.

4- Compartilhe amplamente

O Instagram é capaz de se conectar com uma série de outros serviços de mídia social (Facebook, Twitter, Tumblr, Foursquare e Flickr), permitindo que o usuário tire proveito dessa integração para compartilhar suas imagens com pessoas que não possuem o Instagram instalado, por exemplo.

Para evitar encher o feed de todas as redes sociais dos seus amigos com a mesma foto, saiba que é possível escolher as opções de compartilhamento de cada foto individualmente, uma vez que você estabeleceu as devidas conexões com essas contas no seu perfil.

Se quer fazer do Instagram sua fonte de renda, acesse clicando aqui!

VEJA UM EXEMPLO ABAIXO:

5- Use hashtags de modo profissional

O uso (correto) de hashtags parece ser um problema para muitos usuários. Antes de sair por aí usando hashtags em cada palavra escrita na frase da sua legenda, saiba que isso não vai te levar a nada. É preciso lembrar o básico: hashtags são palavras-chave que vão ajudar as pessoas a encontrarem suas imagens.

Com esse princípio básico sempre em mente, é hora de conhecer alguns truques extras que podem incrementar o uso desse recurso.

Para começar, tente usar emojis em suas hashtags. Há poucos meses, o Instagram anunciou que os emojis poderiam ser incluídos nas hashtags do aplicativo, permitindo que elas sejam usadas para fazer uma busca por eles na página “Explorar” ou mesmo clicar neles nas legendas das fotos. Os usuários podem usar um emoji ou fazer uma combinação entre eles, com ou sem texto, apenas usando a criatividade para deixar as hashtags ainda melhores. Para ter uma ideia da proporção do uso dos emojis, um estudo apontou que o ícone de coração foi usado mais de 500 mil vezes durante os meses de abril e maio.

Um site que você pode encontrar as hashtags mais utilizadas é o: top-hashtags.com.

ganhar-dinheiro-com-o-instagram

6- Gerencie uma conta coletivamente

Alguns perfis do Instagram são alimentados por mais de uma pessoa, principalmente no caso de marcas e empresas. Se você quiser permitir que outras pessoas publiquem em determinado perfil sem a necessidade de compartilhar a senha com toda a equipe, existe um truque que você pode usar. Crie uma pasta compartilhada no Dropbox ou Google Drive e peça que sua equipe faça o upload de fotos por lá.

Com o auxílio de um aplicativo extremamente interessante, o If This Then That (IFTTT), você pode definir tarefas para serem realizadas automaticamente, como o envio de imagens para o Instagram, por exemplo. Para isso, basta permitir que o IFTTT tenha acesso a conta do Instagram em questão. O app também permite saber quem enviou uma imagem para a rede social.

7- Use o Instagram apenas para fazer edições

Se você gosta muito dos filtros oferecidos pelo Instagram, mas nem sempre quer postar as fotos na rede social, saiba que existe um truque simples para tirar proveito desse recurso sem realizar o upload da imagem. Coloque o seu smartphone no modo avião e edite a imagem desejada no aplicativo do Instagram. Ao chegar na fase de postagem da imagem, seu telefone não estará habilitado para fazer o upload devido ao modo avião, mas ainda assim a foto editada será salva no seu smartphone.

10 maneiras de ser mais feliz

10 maneiras ser feliz
10 maneiras ser feliz

Quão feliz você está? Se houver espaço para melhorias, tente uma dessas sugestões. 

Há alguns anos, numa manhã como qualquer outra, tive uma percepção repentina: estava em perigo de perder minha vida. Enquanto olhava pela

RELACIONADO

Felicidade, maneiras. feliz, sorriso. vida

janela respingada de chuva de um ônibus de Nova Friburgo, vi que os anos passavam.

“O que eu quero da vida?”, Perguntei a mim mesmo. “Bem … eu quero ser feliz.” Eu tinha muitas razões para ser feliz: Meu marido era um amor, e um moreno mais bonito da minha vida; nós tivemos duas meninas deliciosas; Eu era escritora e morava na minha cidade favorita. Eu tinha amigos; Eu tive minha saúde; Eu não tive que colorir meu cabelo. Mas muitas vezes eu me irritava com o meu marido ou o balconista da farmácia. Sentia-me abatida depois de um pequeno contratempo profissional. Eu perdia a paciência facilmente. É assim que uma pessoa feliz agiria?

Eu decidi imediatamente começar um estudo sistemático da felicidade. (Um pouco intenso, eu sei. Mas esse é o tipo de coisa que me atrai.) No final, passei um ano testando a sabedoria das eras, estudos científicos atuais e dicas da cultura popular. Se eu seguisse todos os conselhos, queria saber, funcionaria?

Bem, o ano acabou e eu posso dizer: sim. Eu me fiz mais feliz. E ao longo do caminho eu aprendi muito sobre como ser mais feliz. Aqui estão essas lições.

emagrecimento, emagrecer, magra, dieta, desafio, gordura

1. Não comece com profundezas . 

Quando comecei o meu Projeto Felicidade, percebi rapidamente que, em vez de mergulhar com a meditação diária prolongada ou responder a questões profundas de auto-identidade, eu deveria começar com o básico, como dormir em uma hora decente e não me permitir estar com muita fome. A ciência apóia isso; esses dois fatores têm um grande impacto na felicidade.

ncia apóia isso; esses dois fatores têm um grande impacto na felicidade.

2.  Não deixe o sol se por com raiva 

Eu sempre tinha escrupulosamente exibido cada irritação o mais rápido possível, para ter certeza de que exalava todos os sentimentos ruins antes de dormir. Estudos mostram, no entanto, que a noção de catarse da raiva é poppycock. Expressar a raiva relacionada a aborrecimentos menores e fugazes apenas amplifica sentimentos ruins, enquanto que não expressar raiva muitas vezes permite que ela se dissipe.

3. Faça o bem até você sentir isso. 

Sentimentos seguem ações. Se estou me sentindo deprimido, deliberadamente me sinto alegre e me sinto realmente mais feliz. Se estou com raiva de alguém, faço algo positivo por ela e meus sentimentos em relação a ela se suavizam. Essa estratégia é extraordinariamente eficaz.

4. Perceba que vale a pena fazer qualquer coisa que valha a pena. 

Desafio e novidade são elementos chaves da felicidade. O cérebro é estimulado pela surpresa, e lidar com sucesso com uma situação inesperada dá uma poderosa sensação de satisfação. As pessoas que fazem coisas novas – aprender um jogo, viajar para lugares desconhecidos – são mais felizes do que as pessoas que se dedicam a atividades familiares que já fazem bem. Muitas vezes me lembro de “aproveitar a diversão do fracasso” e enfrentar um objetivo assustador.

5. Não trate as guloseimas com um “prazer”. 

Comida sorverte prazer guloseimas doce

Muitas vezes as coisas que escolho como “guloseimas” não são boas para mim. O prazer dura um minuto, mas depois os sentimentos de culpa e perda de controle e outras conseqüências negativas aprofundam o mau humor do dia. Embora seja fácil pensar, vou me sentir bem depois de tomar algumas taças de vinho … um litro de sorvete … um cigarro … um novo par de jeans, vale a pena parar para perguntar se isso realmente vai melhorar as coisas.

6. Compre alguma felicidade. 

Nossas necessidades psicológicas básicas incluem sentir-se amado, seguro e bom no que fazemos. Você também quer ter um senso de controle. O dinheiro não preenche automaticamente esses requisitos, mas com certeza pode ajudar. Aprendi a procurar maneiras de gastar dinheiro para manter contato mais próximo com minha família e amigos; para promover minha saúde; trabalhar de forma mais eficiente; eliminar fontes de irritação e conflito conjugal; para apoiar causas importantes; e ter experiências de ampliação. Por exemplo, quando minha irmã se casou, gastei com uma câmera digital melhor. Era caro, mas me dava muita felicidade.

7. Não insista no melhor. 

Existem dois tipos de tomadores de decisão. Satisfeitos (sim, satisfeitos) tomam uma decisão uma vez que seus critérios são cumpridos. Quando eles encontram o hotel ou o molho de macarrão que tem as qualidades que eles querem, eles estão satisfeitos. Os maximizadores querem tomar a melhor decisão possível. Mesmo que eles vejam uma bicicleta ou uma mochila que atenda às suas exigências, eles não podem tomar uma decisão até que examinem cada opção. Os satisfeitos tendem a ser mais felizes que os maximizadores. Os maximizadores gastam mais tempo e energia na tomada de decisões e, muitas vezes, estão ansiosos quanto às suas escolhas. Às vezes bom o suficiente é o bastante.

8. Exercite-se para aumentar a energia. 

Eu sabia, intelectualmente, que isso funcionava, mas com que frequência eu dizia a mim mesmo: “Estou cansado demais para ir à academia”? O exercício físico é um dos impulsionadores do humor mais confiáveis. Até mesmo uma caminhada de 10 minutos pode iluminar a minha visão.

9. Pare de incomodar. 

Eu sabia que minha irritação não estava funcionando particularmente bem, mas imaginei que, se parasse, meu marido nunca faria nada pela casa. Errado. Além disso, recebi um aumento de felicidade surpreendentemente grande de desistir de reclamar. Eu não tinha percebido o quão rabugenta e irritada eu me sentia, como resultado de falar assim. Substituí a irritação pelas seguintes ferramentas persuasivas: dicas sem palavras (por exemplo, deixar uma nova lâmpada no balcão); usando apenas uma palavra (dizendo “Leite!” em vez de falar sem parar); não insistindo que algo seja feito na minha agenda; e, mais eficaz de tudo, fazendo uma tarefa sozinho. Por que eu consegui definir as atribuições?

10. Tome uma atitude. 

Algumas pessoas acham que a felicidade é principalmente uma questão de temperamento inato: você nasceu um Besouro ou um Tigrão, e é isso. Embora seja verdade que a genética tenha um grande papel, cerca de 40% do seu nível de felicidade está sob seu controle. Ter tempo para refletir e dar passos conscientes para tornar sua vida mais feliz realmente funciona. Portanto, use essas dicas para iniciar seu próprio projeto de felicidade. Eu prometo que não vai demorar um ano inteiro.

emagrecimento, emagrecer, magra, dieta, desafio, gordura

7 dicas para um estilo de vida saudável

Viver um estilo de vida saudável não significa horas de treinamento na academia e comer apenas folhas de salada. Trata-se de fazer escolhas saudáveis ​​fáceis de administrar no seu dia-a-dia.

exercício, ginásio, corrida, pesos, dança, cardio, lifest
Movimente-se
RELACIONADO


emagrecimento, emagrecer, magra, dieta, desafio, gordura

Diz o Dr. Craig Nossel, chefe da Wellness at Discovery Vitality: “O truque para tornar seu estilo de vida mais saudável é fazer pequenas mudanças saudáveis ​​todos os dias, como subir as escadas em vez dos elevadores, aumentar sua ingestão de frutas, beber um copo extra de água ou parar de fumar. “

Então, vamos começar com os fundamentos básicos da vida saudável: exercícios regulares, alimentação saudável e escolhas saudáveis ​​de estilo de vida:

Eu gosto de movê-la, movê-lo!

Faça como o rei Julian faz e mova seu corpo. Não apenas uma vez, de vez em quando – mas todos os dias sempre que você puder. Embora uma ótima sessão de exercícios seja ótima para trabalhar em sua rotina diária, você pode queimar quilocalorias de outras maneiras, como:

  • Caminhando para a mesa de outra pessoa em vez de enviar um e-mail,
  • Estacionar mais longe do prédio e caminhar até o trabalho
  • Tomando as escadas com mais freqüência.
  • Fazendo a limpeza de casa ou do seu jardim
  • Levar o cão para passear ou andar de bicicleta com as crianças em vez de ver televisão

Nós todos estamos juntos

Passamos a vida sentados – em nossas mesas, em frente à TV, em uma reunião ou ao telefone. Novas pesquisas estão surgindo destacando o risco potencial à saúde de todo o nosso comportamento sentado. Portanto, divida seu tempo de espera em pé por cinco minutos e aproveite os benefícios para a saúde.

Cada movimento conta e tudo contribui para queimar mais calorias.

Se você está com sobrepeso, fazer pequenas mudanças em sua rotina de exercícios diários pode beneficiar sua saúde. Na verdade, um estudo descobriu que apenas uma queda de 10% no peso ajudava as pessoas com excesso de peso a reduzir a pressão arterial , o colesterol e melhorar o bem-estar.

Comendo saudavelmente

Quando se trata de uma alimentação saudável, há uma gama esmagadora de teorias, livros de dieta e informações on-line sobre o que comer – o que muitas vezes é conflitante. Embora a pesquisa ainda esteja em andamento e em desenvolvimento, o que todos os especialistas concordam é que nossas dietas são muito ricas em açúcar, nossas porções são muito grandes e devemos comer uma variedade de alimentos naturais integrais.

Doce o suficiente

De bebidas açucaradas a cereais matinais, é difícil ficar longe de comidas açucaradas. Muitas vezes o açúcar está escondido em produtos enlatados ou pré-embalados, ou mesmo em alimentos que consideramos saudáveis ​​para nós, como suco de frutas. A pessoa média leva em torno de 22 colheres de chá de açúcar adicionado a cada dia. Segundo a American Heart Association, o alvo diário não deve ser mais do que seis colheres de chá para as mulheres, e nove para os homens – tanto para alimentos quanto para bebidas juntos.

A maneira mais fácil de limitar sua ingestão de açúcar com uma pequena alteração é cortar as bebidas com gás. Isso sozinho pode ajudá-lo a perder ou manter um peso saudável, o que, por sua vez, reduzirá o risco de doenças cardíacas, obesidade e diabetes.

Distorção da parcela

Nossas porções de alimentos e bebidas aumentaram drasticamente nos últimos 30 anos. Na década de 1950, um pacote de chips foi 28g de um restaurante take-away – hoje é 154g – e isso não é mesmo o supertamanho, que é um gritante 196g!

Os aumentos de tamanho de porção não incluem apenas as porções de take-away, mas o acondicionamento de mercadorias no supermercado, pratos e copos em restaurantes e até tamanhos de geladeira! Maneiras simples de cortar suas porções incluem:

  • Coma suas refeições principais em um prato menor – visualmente a parece cheia para que você fique satisfeito, mas tecnicamente você estará comendo menos.
  • Prepare-se na cozinha, em vez de ter os pratos na mesa de jantar – é muito mais fácil comer pela “segunda vez” quando está bem na sua frente a comida.
  • Coma pequenas refeições regulares (pelo menos a cada quatro horas) para que você nunca esteja morrendo de fome – se você chegar a esse ponto de fome, é muito difícil parar antes de comer demais.

Colora-me linda

Escolher alimentos integrais e cozinhar a partir do zero é uma maneira muito mais saudável de comer do que comprar refeições pré-embaladas ou prontas, com alto teor de gordura e sal, mas com muito baixo teor de nutrientes. Para se certificar de que você está recebendo uma variedade de nutrientes, vitaminas e minerais em seu corpo todos os dias – uma regra rápida é escolher uma variedade de cores para suas refeições. Seja o artista de suas refeições e pinte uma imagem colorida com uma variedade de frutas e legumes amarelos, vermelhos e verdes ao longo do dia.

Escolha de vida

Não há nada mais prejudicial para uma vida longa e saudável do que o tabagismo, que é estimado como o motivo da morte ou incapacidade em metade das pessoas que fumam. Os perigos do tabaco são tão significativos que é o problema de saúde pública mais importante do mundo, o que, ironicamente, é amplamente evitável.

Fumar não só reduz a sua vida, afetando seus órgãos internos, mas também envelhece você no exterior, causando danos à pele. O fumo do tabaco pode dar-lhe rugas, criar rugas na boca, manchar os dentes e os dedos, roubar a sua pele de nutrientes, decompor o colágeno que aumenta a juventude e tornar a sua pele cinzenta. Faz você se perguntar como o tabagismo é frequentemente comercializado como glamouroso e atraente.

É preciso coragem para parar de fumar , pois não é uma jornada fácil – mas é uma escolha corajosa e sensata. Algumas das mudanças positivas acontecerão rapidamente, enquanto outras serão mais graduais, mas todas as mudanças beneficiarão sua saúde e bem-estar.

Continue criando hábitos saudáveis que sua vida ira mudar gradativamente, mantenha o foco e nunca desanime!

22 Estratégias para engajar o seu Instagram organicamente

Como aumentar o engajamento do Instagram organicamente?

O algoritmo do Instagram parece realmente gostar de engajamento. Ainda mais do que o número de seguidores que você tem. Vou mostrar como você pode satisfazer o algoritmo do Instagram para aumentar o engajamento do Instagram e aumentar sua conta.

dinheiro, influenciador digital, influencer, Instagram

Se você tiver um bom envolvimento, o Instagram tentará exibir suas postagens para mais pessoas. Eles podem mostrar suas postagens na página “Explorar” e nas 9 principais postagens das páginas “Hashtag” e “Local”. Melhor ainda, eles podem selecionar suas postagens para serem exibidas nos feeds domésticos das pessoas (graças ao novo recurso Follow Hashtag).

Lembre-se: o Instagram não permite que ninguém use ferramentas automatizadas, como robôs, que postam, comentam, curtem ou seguem em seu nome automaticamente. Então esqueça isso. É contra a sua política e pode ter sua conta em apuros (às vezes sem você saber disso).

Então vamos trazer o básico. Como você pode aumentar seu engajamento no Instagram organicamente?

Vou compartilhar com você 22 das minhas estratégias favoritas, dicas e truques que você pode usar para aumentar seu engajamento no Instagram.

1. Publicar conteúdo de qualidade

Eu não me importo com quantas dicas do Instagram você lê. Se você não tiver conteúdo de qualidade, nada funcionará.

Você só tem alguns segundos para chamar a atenção das pessoas quando elas rolarem. Postar conteúdo de boa qualidade é o primeiro passo .

O que é conteúdo de qualidade? É qualquer um dos seguintes:

  • Fotos de alta qualidade (você não precisa de uma DSLR, a câmera do seu celular é perfeita)
  • Fotos divertidas e criativas para chamar a atenção
  • Citações divertidas, inspiradoras e motivacionais
  • Vídeos legais ou gifs
  • Um tema do Instagram que representa o seu estilo (as pessoas ficam intrigadas com fotos bem editadas)

Ninguém vai parar de rolar para assistir a sua foto ou vídeo, se não ficar bem ou chamar a atenção deles.

É o primeiro passo do que chamo de “Loop de engajamento”.

2. Use as hashtags certas

Hashtags são incríveis:

  • É assim que as pessoas encontram sua conta
  • É assim que você pode se tornar parte de uma comunidade
  • E, finalmente, é assim que o Instagram sabe em qual categoria você está postando e o que está em sua foto (para que eles possam mostrar suas postagens para pessoas que possam estar interessadas)

Uma hashtag é o primeiro passo. Isso trará as pessoas para o seu post. Então é a sua vez de garantir que sua postagem seja envolvente (vou lhe dar alguns truques abaixo).

Você deve usar as hashtags certas e evitar usar as aleatórias. Use todas as 30 hashtags (esse é o limite que o Instagram dá). Quanto mais hashtags você usar, mais aumentará suas chances de ser visto por mais pessoas. 

3. Poste quando seus seguidores estiverem no Instagram

Conheça o seu melhor momento para postar. Seu melhor momento para postar é quando seus seguidores são os mais ativos no Instagram. E é aí que você terá mais engajamento.

Você pode usar o aplicativo Visualizar para ver sua melhor hora pessoal para postar. O aplicativo analisa sua conta no Instagram e conta 4 coisas:

  • Seu melhor momento para postar
  • Seu melhor momento para interagir
  • Seu melhor dia para postar
  • Seu melhor dia para interagir

Use esta informação para crescer o seu Instagram. Por exemplo, se você tiver um grande anúncio a fazer, poste-o no melhor momento, no melhor dia.

4. Conheça seus principais posts

Suas principais postagens são as que geram mais engajamento e crescimento. 
Você pode ver suas principais postagens no aplicativo de visualização.

Analise suas postagens com melhor desempenho (fotos, vídeos, carrosséis).

Quais tipos de postagens geram picos de engajamento? Analise essas postagens:

  • O que tem na foto?
  • Quais são as cores da foto?
  • O que você escreveu na legenda?
  • Quais hashtags você usou?

5. Poste mais conteúdo como seus principais posts

Suas principais postagens são o que as pessoas adoram ver mais. Portanto, poste mais fotos, vídeos ou carrosséis, como suas principais postagens, para continuar aumentando sua conta.

6. Post em padrões

Ok, vamos desacelerar por um segundo.

Nem todas as suas postagens precisam ser sobre como conseguir o melhor envolvimento do Instagram em sua vida.

Relaxa. Você pode postar em padrões. 
Aqui está um exemplo de um padrão: Poste uma foto que você sabe que vai te engajar muito, então poste uma foto que pode não ter tanto engajamento (e tudo bem!), E assim por diante.

Você pode criar seu próprio padrão de postagem :

  • Um Top Post uma vez por semana
  • Duas vezes por semana
  • 3 vezes por semana

Você pode planejar seu feed do Instagram no aplicativo Visualizar. Olhe para esta imagem para ver o que quero dizer:

7. Post consistentemente (você vai economizar)

Se houver apenas uma dica que você precisa lembrar, é esta: publique de forma consistente.

Existem três motivos pelos quais a postagem é importante de maneira consistente:

  • Instagram recompensa as pessoas que usam seu aplicativo de forma consistente (faz sentido, certo?)
  • As pessoas se lembrarão de você se elas o virem o tempo todo em seu feed doméstico e nas Histórias de Insta
  • Se você não for consistente, o Instagram não mostrará suas novas postagens que, muitas vezes, no feed inicial de seus seguidores

Como postar consistentemente? Planeje suas postagens com antecedência. Mais uma vez, você pode usar o aplicativo Visualizar para agendar suas postagens . Você pode planejar suas postagens com alguns dias de antecedência, com uma semana de antecedência ou um mês inteiro, se quiser.

Consistência é fundamental no Instagram.

8. Faça uma pergunta na sua legenda

Agora que as pessoas estão no seu post, o que você pode fazer? Uma estratégia é fazer uma pergunta na sua legenda.

dinheiro, influenciador digital, influencer, Instagram

Você pode fazer perguntas sobre:

  • O que as pessoas acham de um determinado tópico: “O que você acha do novo algoritmo do Instagram?
  • Conhecer melhor seus seguidores: “De onde vocês são?”
  • Peça sua opinião sobre um tópico: “Você já tentou ___? O que você acha disso?”

Você não precisa fazer perguntas o tempo todo. Mantenha isso natural.

9. Sempre responda aos comentários

As pessoas fazem de tudo para comentar sobre suas postagens. Sempre responda aos comentários ou tente responder ao maior número de comentários possível.

10. Concentre-se em fazer amigos e não seguidores

Se você está começando no Instagram, não se apresse (mesmo que seja muito tentador). Não tenha pressa. Encontre um pequeno grupo de pessoas que tenham os mesmos interesses que você. Apoie-se mutuamente sempre que uma pessoa estiver postando (ligue sua pós-notificação para saber quando eles postarem).

Em seguida, continue a aumentar seu círculo de amigos no Instagram (use hashtags para conhecer novas pessoas).

11. Olha quem está te seguindo

🙂

Tenho certeza de que você está verificando sua página de atividades no Instagram para ver quem gosta e segue você 

Dê uma olhada nas contas que estão seguindo você. Não é humanamente possível verificar sempre quem está seguindo você. Mas, de tempos em tempos, dê uma olhada em quem segue você durante o dia. Eles seguem você porque gostam de compartilhar – você pode gostar do que eles estão compartilhando também.

Se você realmente gosta do que está fazendo, deixe um comentário ou mande um DM. Diga-lhes que você está feliz por ter encontrado a conta deles (por exemplo). Comece a conversa. Você acabou de fazer um novo amigo (não é o Instagram incrível ?!).

12. Compartilhe fotos divertidas, citações ou questionários (eles recebem atenção)

Quem não quer se divertir?

Fotos divertidas, citações ou questionários atraem a atenção e a reação das pessoas.

13. Preencha o espaço em branco

Essa é outra ótima ideia para aumentar seu engajamento.

Escreva na sua legenda algo assim:

  • “Se eu pudesse ir a qualquer lugar do mundo agora, eu iria para ______”
  • Peça às pessoas que deixem um comentário para preencher o espaço em branco

É uma maneira muito divertida de reunir as pessoas. E no processo você também os conhece um pouco mais.

14. Inicie uma conversa genuína

Seja você mesmo. O que está em sua mente? O que você gosta de fazer ou falar?

Algumas pessoas são incríveis em cativar nossa atenção com suas palavras. Você também pode iniciar conversas genuínas com as pessoas. Grandes exemplos são Tyler McCall e Michelle Blanchard . Ambos são reais e apaixonados. Seus seguidores estão sempre felizes em ter uma boa conversa com eles.

15. Peça às pessoas para marcarem seus amigos

Peça para as pessoas marcarem:

  • Amigos
  • Contas favoritas
  • Alguém que os inspira
  • [qualquer pessoa, desde que esteja relacionada à sua postagem]

Isso criará um efeito de bola de neve . Novas pessoas podem comentar sua postagem. E eles também podem descobrir sua conta pela primeira vez.

16. Peça às pessoas para responderem ao comentário da última pessoa que comentou no seu post (super divertido !!)

Esta é provavelmente uma das minhas formas favoritas de fazer com que todos se divirtam, por 2 motivos: (1) Envolve todos os envolvidos e (2) todos conseguem conhecer novas pessoas.

Escreva algo assim em sua legenda:

  • “Apresente-se à pessoa que comentou pela última vez”
  • “Dê um elogio para a pessoa que comentou acima de você”

Eu poderia fazer isso em breve na nossa conta ( @ pointdosucesso ) se você quiser participar da diversão!

17. Seja você mesmo e não peça nada

Poste o que você ama. Seja apaixonado pelo que você postar. Faça por você mesmo. As pessoas reagem naturalmente à paixão e querem seguir sua jornada. Não se estresse e seja você mesmo.

18. Faça uma oferta

Essa é uma das formas mais populares de aumentar o engajamento. Pode aumentar seu engajamento temporariamente, mas você pode conhecer novas pessoas no processo.

Você pode fazer um sorteio sozinho ou em colaboração com outros usuários do Instagram.

  • Escreva as regras da sua oferta nos comentários
  • Diga às pessoas para escreverem algo nos comentários para entrarem no sorteio (exemplo: marcar um amigo ou adivinhar a resposta correta)

Por exemplo, @thebuckletlistfamily gosta de jogar Trivia Games. Eles farão uma pergunta aos seus seguidores. O primeiro que adivinha as respostas certas recebe um presente.

19. Post da Roda da Fortuna

Essa é uma ideia tão divertida! Sue Zimmerman fez isso por um de seus posts e as pessoas adoraram!

Peça às pessoas que façam uma captura de tela de um vídeo (wh-wh-what!?!). Eu chamo esses tipos de posts de ” Roda da Fortuna “.

  • Compartilhe um vídeo com palavras que aparecem na tela rapidamente
  • Diga às pessoas para tirar uma captura de tela (elas aleatoriamente chegarão a uma palavra)
  • Eles verão sua captura de tela e terão que compartilhar em qual palavra parou

Espero que faça sentido. Confira seu post para ver o que quero dizer.

20. Seja social!

Eu não posso acreditar que tenho que escrever isso, mas eu tenho, porque engajamento = ser social.

Instagram é uma rede social. Você tem que ser social. Assim como na vida real, se você nunca fala com as pessoas, ninguém vai falar com você. 
Portanto, mantenha a calma e divirta-se, não pense demais nisso. Mantenha contato com seus seguidores e aqueles que você está seguindo. 
É assim que funciona o algoritmo do Instagram. Você aparecerá mais nos feeds domésticos das pessoas se interagir com elas.

Interação = bom sinal = aumenta a exposição = aumenta suas chances de conseguir mais engajamento.

21. Diga às pessoas em sua Insta Stories assim que você compartilhar uma nova postagem

Muitas pessoas fazem isso e há uma boa razão para isso. Aqui está o motivo: é bom aumentar seu engajamento assim que você publica no Instagram (na primeira hora em que postou sua foto) porque isso sinaliza para o Instagram que seu conteúdo é bom. E se for bom, o Instagram tentará mostrá-lo a ainda mais pessoas.

Seus seguidores estão assistindo suas histórias de Insta. Então, deixe-os saber quando você tem um novo post. Dê-lhes uma prévia .

Você também pode fazer uma pergunta (em sua Insta Story) sobre sua nova postagem para gerar engajamento:

  • “O que você pensa sobre ______?”
  • “Qual você prefere?”
  • “Minha viagem na Europa em 5 fotos”
  • “Deixe um emoji arco-íris nos comentários se você veio da minha história Insta”
  • “Algo que eu tenho para te dizer” (oooh, misterioso!)

22. Faça um #fridayointroductions de vez em quando

Para quem não sabe, #fridayintroductions é uma comunidade de hashtagsonde todas as sextas-feiras as pessoas se apresentam. Eles costumam compartilhar um post sobre o que fazem, sobre o que são apaixonados e até mesmo alguns fatos divertidos sobre si mesmos. Então, eles convidam as pessoas a se apresentarem também nos comentários.

É como uma grande festa no Instagram no final da semana.

É isso aí! Se você leu até o final, você é um campeão (????). Eu realmente espero que você tenha encontrado algumas dessas dicas úteis para sua conta. Agora é sua vez de adicionar seu próprio toque criativo a essas ideias. Diverta-se! Se você tiver alguma dúvida, por favor deixe-me um comentário abaixo.

Relacionado

Quer fazer parte da Nossa Família?

Sua chance chegou, quer ser divulgado para pessoas do mundo todo? E detalhe sem PAGAR NADA, isso mesmo, sem pagar absolutamente nada.

O Point do Sucesso lançou um projeto de afiliados com nossos seguidores do instagram interessados! 

Mas como vai funcionar?

É bem simples, você coloca o link do nosso site (Link esse da página do post que iremos criar exclusivamente para você) no seu feed, e depois é só nos comunicar, e automaticamente seu feed já ira para a página de afiliados (AFILIADOS) e ganhara também um post com uma descrição sua na pagina (FAMA). Mas é só isso? Apenas meu perfil vai ficar lá parado? NÃO, não é apenas isso!

Se você se afiliar a nos, vai ganhar uma pagina do site, exclusivamente sua, com nossa avaliação do perfil, indicação de novos seguidores e lembrando, a cada dia, isso mesmo, a cada dia um seguidor será escolhido, para compartilharmos a conta dele em nosso Instagram.

Vai perder isso?

A chance de ser divulgado para diversas pessoas diferentes, 24 horas por dia, 7 dias por semana, 31 dias por mês… Bom você já entendeu né?! Agora basta querer, seja divulgado, aumente seu engajamento, suas curtidas, seus seguidores.

Muitas queriam ter essa oportunidade, mas não encontra, se você chegou até esse site, saiba que foi escolhido e analisado minuciosamente por nossa equipe, e que juntos vamos crescer e conquistar o nosso sucesso coletivo!

Seja sempre melhor a cada dia, cresça junto conosco. 

E por onde eu entro em contato? Clique em uma das redes sociais e entre em contato

E-book “GRATUITO” para melhorar  seu Instagram clicando aqui!

Serie Seja Fitness- O inicio

E aqui iniciamos mais uma serie do site Point do Sucesso, agora vamos falar de nossos objetivos com essa serie de conteúdos voltados a saúde.

Objetivos

Nosso foco e ajudar a você a conseguir a tão sonhada vida saudável, ja sentiu aquela vontade de mudar? Mas não conseguiu? Já teve vontade de fazer o novo, mais na hora “H” ou até mesmo, você começou e parou.

Então queremos te dar essa forcinha final, te ajudar a ver que é possível alcançar seus objetivos, seus sonhos, sua nova meta de vida. 

Nosso inicio é assim, um inicio de motivação, vamos começar hoje, agora, não procrastinar e deixar para “Segunda” deixar para amanhã, mude dentro de si mesmo, tenha um foco, veja os resultados acontecerem em sua vida.

E para isso preparamos o primeiro conteúdo, o primeiro E-book dessa serie “Seja Fitness”, aqui abaixo estou disponibilizando o link do download, baixe e acompanhe os próximos posts!

Me tornando um influenciador digital

Esse post vai ser bem curto, só para trazer um presente para aqueles que entram em nosso site.

Falamos a alguns artigos atrás sobre se tornar um digital influencer, e vamos fazer uma loucura. Vamos lhe dar um conhecimento que muitas vendem e não compartilham com ninguém!

dinheiro, influenciador digital, influencer, Instagram

Então aqui vai um E-book com 17 páginas sobre como melhorar seu instagram e alem disso ele contem 12 estratégias para você melhorar a cada dia como um influenciador digital!

Não perca tempo e baixe logo o seu E-book e comece a sua jornada pelo Instagram.

Clique aqui e Baixe o seu E-book, Totalmente Gratuito!

E lembre-se seja cada vez melhor junto conosco por essa caminhada até o sucesso.

Faça parte de nossa Familia, como muitos já estão fazendo, seja nosso afiliado e receba uma pagina para você aqui no Site! Clique aqui!

Ajudas para se tornar “Fitness”

Em um artigo anterior, falamos do porque sermos pessoas saudáveis. Então nesse vamos falar a respeito de alguns auxílios para que possamos, realmente mudar o nosso estilo de vida.

Continuar lendo Ajudas para se tornar “Fitness”

7 receitas milagrosas, suco detox

Vamos desintoxicar o organismo de forma natural, saudável e nutritiva?

Que tal 7 receitas de sucos detox que ajudarão o seu corpo a eliminar as toxinas acumuladas, reduzindo os processos inflamatórios, o inchaço e a retenção de líquidos, consequentemente afetará na perda de peso? Mas, primeiro, vamos saber as verdades sobre esse processo de limpeza!

Detox, mitos e verdades

Muitos acreditam que os sucos desintoxicantes são milagrosos e são capazes de eliminar as substâncias prejudiciais do nosso corpo, as gordurinhas indesejadas. Porém isso não está certo.

O termo “Detox” vem sendo utilizada em uma forma distorcida pelo mercado. Detox é uma palavra de origem inglesa “detoxication”, traduzida “desintoxicação”.
A verdade é que o nosso corpo é capaz de reconhecer e de trabalhar sozinho, naturalmente ele expulsar as substâncias tóxicas que impedem o seu bom funcionamento.
Portanto, o suco desintoxicante será uma ferramenta que fornecerá, de forma saudável e natural, nutrientes poderosos que irão estimular e potencializar o funcionamento do organismo. Assim, ele conseguirá diminuir a sobrecarga de toxinas com mais facilidade e trabalhará nessa limpeza com mais eficiência.

Veja também:Receitas low carb para uma alimentação leve, variada e saborosa

ATENÇÃO!!

O consumo dos sucos detox deve ser associado a uma alimentação mais equilibrada e a hábitos mais saudáveis. De nada adiantará continuar consumindo produtos altamente processados, repletos de aditivos químicos, açúcar e gorduras não saudáveis. Sem essa mudança, a desintoxicação dificilmente será bem-sucedida.

SUCO DETOX DE KIWI COM PEPINO E HORTELÃ

  • 200ml de água filtrada;
  • 1 kiwi;
  • Suco de ½ limão;
  • 1/2 pepino japonês;
  • Folhas de hortelã a gosto.

SUCO DETOX DE MAÇÃ COM LARANJA E SALSINHA

  • 150ml de água filtrada;
  • 1 maçã;
  • Suco de 1 laranja;
  • ½ molho de salsinha;
  • Pedacinho de gengibre.

SUCO DETOX DE ABACAXI COM MAMÃO E COUVE

  • 200ml de água filtrada;
  • 1/3 mamão papaia pequeno;
  • 3 folhas de couve;
  • 2 rodelas de abacaxi (espessura de 1 dedo cada uma).

Veja também:Low carb, dieta ou estilo de vida ?

SUCO DETOX DE ABACAXI COM LIMÃO E BRÓCOLIS

  • 200ml de água filtrada;
  • 3 rodelas de abacaxi (espessura de 1 dedo cada uma);
  • Suco de ½ limão;
  • 3 ramos de brócolis ninja cru;
  • Folhas de hortelã a gosto;
  • Pedacinho de gengibre.

SUCO DETOX DE MARACUJÁ COM MELÃO E SALSÃO

  • 200ml de água filtrada;
  • 1/2 maracujá (bater com a água e coar);
  • 1 fatia de melão (espessura de 2 dedos);
  • Folhas de hortelã a gosto;
  • 1 talo de salsão (ou aipo);
  • Pedacinho de gengibre.

SUCO DETOX DE PERA COM LARANJA E ESPINAFRE

  • 200ml de água filtrada;
  • 1 pera;
  • Suco de 1 laranja;
  • 10 folhas de espinafre;
  • Pedacinho de gengibre.

Veja também: Dieta para emagrecer, quais são os alimentos com teor calórico negativo e por que são importantes

SUCO DETOX DE MELÃO COM LIMÃO E COUVE

  • 200ml de água filtrada;
  • 2 fatias de melão (espessura de 2 dedos cada uma);
  • 2 folhas de couve;
  • Suco de 1/2 lima;
  • Pedacinho de gengibre.

Gostou? Curte e compartilhe…! Siga nosso blog e nossas redes sociais para se manter informado.

Low carb, dieta ou estilo de vida ?

Dieta ou estilo de vida

Entender que Low Carb não é uma dieta é importante para colocar essa alimentação em prática da forma correta. Irei explicar um pouco mais sobre Low Carb, como um estilo de alimentação para a vida. Dê uma olhada e veja se você se identifica.

Um erro muito comum de quem não pratica ou até mesmo já pratica a Low carb é achar que se trata de uma dieta da moda, cujo único intuito é o emagrecimento.
Embora a alimentação Low Carb possa, sim, auxiliar o controle de peso duradouro e sustentável, é uma estratégia alimentar que pode oferecer resultados positivos em diversos aspectos em saúde ao longo da vida.
Esclarecer isso é o primeiro passo para poder incorporar a alimentação Low Carb em sua rotina, pois ela não é algo para fazer durante alguns dias, apenas para perder uns quilinhos.

Veja também:7 Motivos que dificultam o emagrecimento na dieta Low Carb

E é por isso que Low Carb não deve ser um conceito de restrição! Ninguém consegue seguir uma alimentação muito restrita para a vida, daí muitos erram, por isso a Low Carb é um estilo flexível.

Carboidratos

Infelizmente a quantia de carboidratos em consumo hoje é de alto nível, grande maioria dos alimentos hoje são recheados com carboidratos, pense comigo: biscoitos, grãos, macarrão, sucos, barrinhas, tapioca, geleia, pão, granola, mel, dentre outros. Estamos o dia todo diante desse grupo alimentar.
Esses carboidratos acabam virando açúcar em nosso sangue, que por sua vez estimula a produção do hormônio insulina, sendo assim bloqueia a queima de gordura pelo corpo.

Veja também:5 erros frequentes ao iniciar uma dieta low carb e como iniciar da maneira certa

Embora algumas pessoas possam se dar bem com quantidades maiores de carboidratos, outras, infelizmente, não têm resultados com um consumo tão grande e frequente, e acabam engordando algumas desenvolvem doenças metabólicas e perdem saúde e energia.

Estilo de vida

Estilo de vida

Sim, Low Carb pode até estar na moda, mas não é um conceito novo ou baseado em achismo. Tem muita ciência por trás! É um estilo alimentar possível de seguir para a vida, pois permite muita liberdade, não conta calorias, incentivo é que você coma comida de verdade, até se sentir saciado, sem a necessidade de comer num espaçamento de horários pré determinado, respeitando sua fome, faz muito mais sentido do que comer de 3 em 3 horas mesmo sem sentir fome, não acha?

Veja também:Como treinar a base de uma dieta Low Carb?

Claro que a ideia é que você tenha mais saciedade com um consumo maior de gorduras boas e sem os picos hormonais causados pelo excesso de carboidratos, com isso, aprende a ouvir e respeitar os seus sinais de fome e saciedade, algo fundamental e que muitos já não sabem fazer.

Não há sofrimento, e sim muito prazer em seguir uma alimentação que me permite jantar fora, viajar, comer com prazer e mesmo assim obter resultados positivos.

Gostou? Comente e compartilha! Siga nosso blog e nossas redes sociais para se manter informado.

Como treinar a base de uma dieta Low Carb?

Pronto para acelerar o seu programa de exercícios e aproveitar ao máximo o seu treino? Primeiro, vamos aprender como se exercitar em uma dieta baixa em carboidratos pode ajudá-lo a alcançar e manter seu nível ideal de peso e condicionamento físico, além de dicas para sobrecarregar seu metabolismo – tornando seu corpo ainda melhor na queima de gordura e calorias. Se você ainda não estiver treinando, aprenderá uma excelente rotina básica que o ajudará e que poderá ser feito por qualquer pessoa, em apenas 20 minutos por dia.

Benefícios do Exercício

Atividade diária baseada em um dieta low carb
Atividade diária baseada em um dieta low carb

Todo mundo sabe que exercício é bom para você. Mas vamos ter um momento para rever os benefícios de trabalhar em uma dieta baixa em carboidratos. A atividade física regular faz o seguinte:

  • Constrói e mantém músculos, ossos e articulações saudáveis
  • Melhora o bem-estar psicológico
  • Melhora o trabalho, recreação e desempenho esportivo
  • Reduz o risco de desenvolver doenças cardíacas
  • Reduz a pressão arterial elevada ou o risco de desenvolver pressão arterial elevada
  • Reduz o colesterol alto ou o risco de desenvolver colesterol alto
  • Reduz o risco de desenvolver diabetes
  • Reduz ou mantém o peso corporal ou a gordura corporal (quando associado a um programa de alimentação saudável)
  • Reduz a depressão e a ansiedade

Veja mais: 5 erros frequentes ao iniciar uma dieta low carb e como iniciar da maneira certa

Quanto você deve exercitar?

A maioria das organizações de saúde (como o Colégio Americano de Medicina Esportiva) concentrou-se na resistência e especificou “períodos sustentados de atividade física vigorosa envolvendo grandes grupos musculares e duração de pelo menos 20 minutos em três ou mais dias por semana”. No entanto, à medida que a pesquisa continua a se acumular, sabemos agora que mesmo pequenas quantidades de atividade ao longo do dia se somam e produzem benefícios. Nós também sabemos agora que o treinamento de resistência (atividades aeróbicas típicas como caminhar e correr) não é suficiente – o treinamento com pesos precisa ser adicionado à mistura.

Pesquisas nas últimas décadas esclareceram como a atividade física realmente afeta a função fisiológica. Seu corpo responde à atividade física de maneiras que têm efeitos positivos realmente importantes nos sistemas musculoesquelético, cardiovascular, respiratório e endócrino. Há muito se sabe que o exercício tem um efeito positivo sobre a função cerebral e o humor – provavelmente tão eficaz contra a depressão leve ou moderada quanto alguns medicamentos. O exercício regular parece reduzir tanto a depressão quanto a ansiedade, melhorar o humor e melhorar a capacidade de realizar tarefas diárias até a velhice.

O treinamento com pesos ajuda você a atingir um peso saudável no objetivo – e mantê-lo

Você certamente pode queimar calorias com exercícios aeróbicos, como caminhar, correr, andar de bicicleta e cardio workouts. O exercício aeróbico é ótimo para o seu coração também. Mas a aeróbica sozinha não é suficiente. Certamente não é suficiente para perda de peso, e também não é suficiente para produzir saúde e longevidade ideais. Aqui está o porquê:

Seu corpo queima calorias e gordura em estruturas minúsculas nas células chamadas de mitocôndrias, que são como a Central de Energia da célula. E as mitocôndrias são encontradas principalmente nas células musculares. Estes pequenos centros de poder são o melhor aliado que você tem em sua luta contra a gordura. Eles são as “lareiras” onde o combustível que você come (e as calorias que você armazena) é consumido. Se você quiser aumentar o seu metabolismo, você precisa aumentar o número de mitocôndrias. A melhor maneira de fazer isso é colocando um pouco de músculo!

Mas turbinar seu metabolismo não é o único benefício do treinamento com pesos. A atividade de suporte de peso é provavelmente a melhor escolha de estilo de vida que você pode fazer se quiser evitar a osteoporose. O treinamento com pesos também dá forma e forma ao seu corpo e, do ponto de vista funcional, pode ajudá-lo a manter a autonomia em sua décima década. A maioria das pessoas que estão em casas de repouso não estão lá porque estão terrivelmente doentes – elas estão lá porque não podem mais realizar as tarefas diárias associadas à vida, desde abrir frascos até sair de uma cadeira. Ao manter seus músculos fortes e funcionais com o treinamento com pesos, você pode diminuir significativamente as chances de ser dependente dos outros.

Treinamento de peso e composição corporal

treino de musculação com peso

Se você não desafia seus músculos, eles atrofiam a uma taxa de aproximadamente meio quilo por ano. Isso soma cinco quilos por década de perda muscular, e algumas pessoas perdem mais do que isso. Seu peso pode permanecer o mesmo (geralmente não), mas sua composição corporal mudará para uma composição menos desejável de mais gordura, menos músculo com o mesmo peso. Por causa de sua capacidade de queimar calorias, cada quilo de músculo que você perde é uma perda de um ativo valioso na guerra para manter seu metabolismo forte.

Não desanime com o termo “musculação”. O treinamento com pesos é essencialmente um treinamento de resistência, o que significa simplesmente que você está usando algum tipo de resistência significativa ao estresse e desafia seus músculos. Essa resistência pode vir na forma de pesos, máquinas, elásticos ou até mesmo seu próprio peso corporal (flexões ou agachamentos, por exemplo). Você pode usar halteres, pesos de mão pequenos ou até mesmo ferramentas de resistência improvisadas, como jarras de água.

O ponto de partida: faça os seus pesos. O treinamento com pesos oferece as ferramentas para queimar calorias enquanto você está sedentário. Você precisa treinar seu corpo para ser eficiente na queima de calorias durante as 23 horas do dia, quando não estiver no ginásio. Você não precisa bombear ferro para aproveitar os benefícios do treinamento com pesos. Você pode usar pesos de mão, bandas de resistência ou máquinas de peso. O treinamento com pesos pode começar em qualquer idade e em qualquer nível!

Intervalos de Alta Intensidade = Queima de Calorias de Alta Intensidade

Não entenda mal – você obterá muitos benefícios apenas adicionando a caminhada à sua rotina diária ou fazendo os 20 minutos recomendados de exercício de intensidade moderada três vezes por semana. Mas você pode empurrá-lo para o próximo nível, adicionando o que os profissionais de exercício chamam de “intervalos de alta intensidade”. Veja como isso funciona:

Veja mais: Receitas low carb para uma alimentação leve, variada e saborosa

Suponha que sua intensidade de exercício “normal” seja, por uma questão de argumento, um 4. Talvez esse seja o número que você define em sua esteira, ou essa é a classificação que você daria em uma escala de 1-10, com 1 representando absolutamente nenhum esforço e 10 representando um esforço total que você não pode sustentar por mais de alguns segundos. Com intervalos de alta intensidade, você simplesmente aumenta seu esforço por 30 a 60 segundos, movendo seu nível de esforço dos 4 mencionados para dizer um 6 ou mesmo um 7. Faça isso por 30 a 60 segundos e depois retorne ao que é chamado ” descanso ativo “, retornando a um nível mais confortável 4 (ou até 3) enquanto você recupera o fôlego. Então, depois de dois ou três minutos, você repete. É como fazer “sprints de vento” curtos no meio de uma corrida longa e lenta.

Você pode adicionar esses intervalos de alta intensidade no seu próprio ritmo. Talvez você comece com apenas 15 segundos e faça um período de “recuperação” de três minutos. À medida que você se torna mais em forma e melhora a capacidade pulmonar, pode tornar os intervalos mais longos (digamos 30 a 60 segundos) e o período de descanso mais curto (digamos, de 1 a 2 minutos). Você pode adicionar até 10 desses intervalos em uma sessão de treinamento. Eles aumentam a sua resistência, expandem a capacidade pulmonar (o que é chamado no jargão do exercício, VO2 max, para máxima absorção de oxigênio) e queimam muito mais calorias em um curto período de tempo do que fazendo exercícios menos intensos. Intervalos de alta intensidade são a maneira preferida de os treinadores pessoais empurrarem seus clientes para o próximo nível. Agora você sabe como fazer isso em casa!

O nosso treino básico de 20 minutos

O treino de iniciantes de 20 minutos é perfeito para aqueles que seguem a dieta de baixo carboidrato. Este exercício inclui os cinco componentes a seguir:

Agachamentos:

Fique a cerca de oito a 12 centímetros de distância de uma cadeira ou banco de parque, de costas para o assento do mesmo. Agora dobre as pernas, empurre a parte de trás e incline-se para a frente até sentar-se na cadeira. Faça 10 repetições.

Iniciantes: Descanse por um segundo, depois coloque as mãos nas coxas, empurre as pernas para fora e fique em pé novamente. Não iniciantes: Apenas deixe sua parte traseira tocar o assento da cadeira e volte para cima, mantendo a tensão nos músculos durante todo o movimento.

Flexões de parede:

Se você estiver ao ar livre, você pode usar uma árvore. Se você está dentro de casa, use uma parede. Fique a cerca de um braço de distância da árvore ou parede; estenda ambos os braços para fora e coloque as duas mãos na parede, com a largura dos ombros afastada, braços estendidos em um ângulo reto em relação ao tronco como se você estivesse dizendo “Pare!” Agora, incline-se em direção à parede ou à árvore, dobrando os cotovelos ao se aproximar e endireitando os cotovelos ao afastar a posição inicial. Faça 10 repetições.

Os não iniciantes podem fazer flexões “regulares” no solo, seja no estilo militar completo ou com os joelhos no chão.

Abdominais:

Deite-se no chão com as pernas flexionadas, os pés apoiados no chão e as mãos cruzadas atrás da cabeça com os cotovelos tocando o chão. Sua cabeça deve estar em posição com o corpo para que você possa segurar uma maçã entre o peito e o queixo. Você pode sentir como se estivesse fazendo um pequeno impulso pélvico ligeiramente para frente para conseguir isso. Mantenha sua parte inferior das costas agradável e estável nesta posição.

Enrole a parte superior do corpo para frente e para cima, mantendo a posição mais alta por um segundo antes de abaixar a parte superior do corpo de volta ao chão. Não puxe o pescoço quando você subir. Quando você abaixa a parte superior do tronco para o chão, não retorne completamente para a posição “relaxada” onde seu peso é suportado pelo chão, mas sim para um ponto onde a parte superior do corpo esteja acima do solo e do abdômen.

Lembre-se de manter os cotovelos para trás enquanto faz o movimento.

Repita para quantas repetições você puder gerenciar em boa forma. O objetivo é tentar 10 a 20 repetições.

Estiramento da Coluna:

Deite-se em um lugar confortável. Traga o joelho esquerdo em direção ao peito e segure-o com as duas mãos. Depois de alguns momentos, traga o braço esquerdo para fora no chão a 90 graus do corpo e coloque a mão direita do lado de fora do joelho esquerdo. Com cuidado, traga o joelho esquerdo para o chão, no lado direito do corpo, enquanto vira a cabeça para olhar para o lado esquerdo.

Esse delicado alongamento da coluna deve ser maravilhoso. Traga o joelho esquerdo até o chão, o quanto for confortável. Então repita a coisa toda do outro lado.

Respiração / Relaxamento:

Sente-se em uma posição confortável. Feche seus olhos. Respire profundamente pelo nariz; expandindo seu abdômen e deixando a respiração encher o peito. Expire lentamente, também pelo nariz, deixando o ar sair do tórax e saindo do abdome. Gaste alguns minutos fazendo isso, concentrando-se no fluxo de ar, enchendo os pulmões e esvaziando-os completamente. Ao expirar, você pode querer emitir um som suave e vibrante como “Mmmmm”, que é muito reconfortante e ajuda a concentrar-se na respiração. Sente-se em silêncio por um minuto e concentre-se em algo que te faça feliz.

O que dizer de abs?

Quando se trata de exercício, um tópico que interessa quase todo mundo é abs – os músculos abdominais. “Como faço para obter esse pacote de seis?” é uma pergunta que praticamente todos os instrutores pessoais ouviram mais de uma vez. Bem, há boas e más notícias. Nem todo mundo pode conseguir um pacote de seis. Isso se deve, em parte, ao fato de um abdômen de seis meses – abdômen plano e belamente definido – exigir uma gordura corporal extremamente baixa e um certo dom genético para peles finas e firmes. Mas a boa notícia é que absolutamente todos podem ter um abdômen mais forte e definido. Você não vai pegá-los apenas fazendo abdominais, no entanto. Mesmo que seus abdominais sejam sólidos, você não os verá se houver uma camada de gordura no meio. Portanto, a verdadeira resposta a como obter um bom abs é dupla: exercite as regiões abdominais e diminua a gordura corporal seguindo os princípios do Point do sucesso!

Consulte o seu médico antes de iniciar qualquer programa de exercícios.

Siga para receber todos os recursos de dietareceitas dicas que você precisa para se manter na pista com sua dieta Low carb.

Continuar para ver a próxima matéria

7 Motivos que dificultam o emagrecimento na dieta Low Carb

Se você enfrenta esse tipo de problema, então não perca esse artigo e tire as dúvidas.

Não consegue emagrecer mesmo cortando os carboidratos e entrando na dieta low carb? Veja agora quais são os possíveis motivos:

Estresse

Comer de forma saudável e praticar exercícios não é tudo.
Visite o médico para ter certeza que o seu organismo está funcionando de forma ideal; inclusive a saúde hormonal.
Estar estressado o tempo todo mantém o corpo em um estado constante de “luta ou fuga” – com níveis elevados de hormônios do estresse, como o cortisol.
O cortisol pode aumentar a sua fome e o desejo por comidas pouco saudáveis, ele ainda impede que o corpo queime gordura.
Se você quer reduzir o estresse, tente praticar meditação e exercícios de respiração profunda. Faça atividades que possam ajudar no relaxamento. 

Consumo excessivo de Nozes

Nozes são alimentos de verdade. Elas também são ricas em gordura as amêndoas, por exemplo, têm cerca de 70% de calorias como gordura.
No entanto, é fácil você exagerar nas porções. O consumo excessivo pode aumentar as calorias ingeridas.

Consumo de Lactose

Outro alimento que pode causar problemas para algumas pessoas são os laticínios.
A composição de aminoácidos na proteína láctea pode elevar os níveis de insulina no sangue. As proteínas lácteas podem aumentar a insulina tanto quanto o pão branco.
Mesmo que você tolere bem os produtos lácteos, comê-los com frequência pode prejudicar a sua saúde e emagrecimento.
Neste caso, evite o leite, queijo e iogurte. Dê preferência aos alimentos derivados do kefir e de leite vegetal.
Os alimentos derivados do kefir, como queijo, iogurte e cream cheese, por exemplo; são extremamente saudáveis, ajudam no emagrecimento e podem ser consumidos por quem é intolerante à lactose.

 

Falta de Exercícios

O exercício é fundamental para a saúde física e mental.
Exercícios a longo prazo e de forma regular; ajudam a perder peso, melhoram a saúde metabólica, aumentam a massa muscular, resistência física e disposição, mas é importante fazer o tipo certo de exercício. Levantamento de peso: melhora a saúde hormonal e aumenta a massa muscular, que ajuda a perder peso a longo prazo.
HIIT: Treino Intervalado de Alta Intensidade, é uma excelente forma de cárdio, ajuda a perder gordura, melhora o metabolismo e aumenta os níveis de hormônio do crescimento humano.
Caminhadas: ser ativo e fazer algum trabalho de baixa intensidade como caminhar é uma ótima ideia.

Dietas

As dietas em si não costumam ser permanentes, a menos que envolvam mudanças verdadeiras na alimentação e no estilo de vida, pode acontecer, é você parar a dieta e ganhar todo o peso perdido novamente.
Por isso, eu sempre indico a reeducação alimentar para os meus pacientes e seguidores, ao invés da dieta. A alimentação de verdade deve se tornar um hábito, pautada em alimentos nutritivos e não em contar calorias.
Cortar os carboidratos, principalmente os refinados, da sua alimentação é saudável e pode te ajudar a emagrecer.
Mas se você já está em uma dieta low carb e mesmo assim sente dificuldade de perder os quilinhos indesejados, você pode estar sabotando o seu emagrecimento.

Veja também:5 erros frequentes ao iniciar uma dieta low carb e como iniciar da maneira certa

Compulsão Alimentar

Algumas pessoas sofrem com a compulsão alimentar, se você comete “pequenas fraudes” durante as refeições, como dar uma “escorregada” nas comidas porcarias e processadas, isso pode arruinar o seu progresso.
Caso você não consiga se controlar perto de alimentos não saudáveis, procure ajuda especializada.

Dormir Pouco

Uma das razões que dificultam o emagrecimento envolve dormir pouco, sono é incrivelmente importante para a saúde. Estudos mostram que a falta de sono correlaciona-se com ganho de peso e obesidade.
A falta de sono aumenta a fome, fazendo com que você coma mais, mesmo que esses alimentos sejm Low Carb.
Dormir pouco também aumenta o cansaço físico e mental, e pode desmotivar a prática de exercícios e a alimentação saudável.
O sono é um dos pilares da saúde. Se você está fazendo tudo certo, mas não dorme corretamente; então os resultados do seu emagrecimento não serão tão bons como o esperado.

5 erros frequentes ao iniciar uma dieta low carb e como iniciar da maneira certa

O que é um Dieta Low Carb?

Antes de tudo precisamos entender o que é uma dieta low carb, então vamos lá!
A dieta low carb tem como objetivo diminuir a quantidade de carboidratos ingeridos. Geralmente em uma dieta comum é consumido 55 a 70% de carboidratos.
Quando se trata de um método low carb, o macronutriente os carboidratos representam apenas  não mais que 30% (tudo vai depender do seu objetivo). Lembrando que os carboidratos são: arroz, macarrão, batata, pão, etc.

Veja também: Receitas low carb para uma alimentação leve, variada e saborosa.

Pessoa cometendo um erro ao fazer sua dieta low carb
Iniciando na dieta low carb , é comum cometer alguns erros. Veja abaixo 8 erros bem comuns de quem esta no começo no estilo de vida low carb.
  1. Procurar loucamente versão low carb tudo: é natural na mudança de estilo de vida low carb sentir falta de pães, bolos e massas. Há ótimas versões desses alimentos low carb mas isso não deve virar uma obsessão por buscar alimentos iguais aos da dieta tradicional. Tenha sua mente aberta para as novas possibilidades alimentares que a low carb irá te proporcionar.
  2. Erros não define quem é você: Não se iluda e ache que a mudança de estilo de vida vai ser um mar de rosas, haverá dias complicados momentos e que comerá algo que não devia. Não se torture e não use isso como desculpa para se afundar de vez, encare esse deslizes como parte do processo e procure já na próxima refeição voltar a rotina low carb.
  3. Confundir low carb com no carb: Um dos erros comuns na dieta low carb é tentar levar nosso consumo de carboidratos a quase zero, isso é um grave erro, já que terá que eliminar os vegetais da sua dieta, e assim terá uma ingestão de nutrientes menor que o recomendado. Agora que não esta mais naquela dieta de arroz, feijão, macarrão , batata, há um bom espaço para vegetais na sua dieta sem comprometer a sua meta diária de consumo de carboidratos. Seja criativo criei novas receitas com os vegetais e lembre-se que pode usar azeite de oliva, manteiga, bacon , requeijão tranquilamente.
  4. Conhecimento é poder: Seguir algo ou alguém que não se conhece bem costuma ser uma péssima opção em todos os setores da vida. Antes mesmo de iniciar na low carb tenha o hábito de participar de comunidades, acessar sites especializados e assistir no youtube canais do tema.
  5. Não ter planejamento: Principalmente no início, organização é muito importante para que consiga se adaptar ao estilo de vida low carb. Largar  fast food e afins é fácil, mas comer comida de verdade dá trabalho mas é muito vantajoso. Procure ir nas feiras e mercados nos dias com maior disponibilidade de frutas, vegetais e legumes frescos. Procure fazer seu planejamento alimentar para semana no domingo, faça suas marmitas. Sempre que for comer fora procures locais com opções low carb, procure listar boas opções antecipadamente.

Veja também: Dietas para emagrecer, quais são os alimentos com teor calórico negativo e porque são importantes.

Como Iniciar na Dieta Low Carb de Maneira Correta

piramide de alimentos para inciar sua dieta low carb de maneira correta ou certa

Assim como qualquer dieta, é necessário planejamento.
A dieta low carb não foge à regra, em especial, é preciso considerar que não basta apenas tirar o carboidrato da dieta, e sim apenas diminuir, mas até mesmo diminuir é preciso fazer da forma certa.
Em uma dieta de baixo carboidrato, Low Carb, a melhor opção é passar a contar a quantidade de carboidratos líquidos que será consumida no dia.
Tente não ultrapassar a faixa dos 20g de carboidrato líquido caso seu objetivo seja perder mais de 10kg de gordura.
Da mesma forma, tente consumir cerca de 35g a 40g de carboidrato líquido caso precise perder menos de 10kg

Por mas das restrições a dieta low carb pode até ser um pouco enjoativa, porém existe variações dentro desse mundo low carb que podem te ajudar.

Gostou? Comente e compartilha! Siga nosso blog e nossas redes sociais para se manter informado.


Receitas low carb para uma alimentação leve, variada e saborosa


Muitas comidas clássicas ganharam versões low carb, como pães e tortas

Como o próprio nome já diz, low (de baixo) e carb (de carboidrato) a low carb tem intuito de reduzir a quantidade diária de carboidratos ingeridos.

A proposta é reduzir o nível de insulina na corrente sanguínea, para que, então, as células “sejam obrigadas” a liberar a gordura estocada para suprir a necessidade de energia, resultando assim perca de peso.

Para muita gente, parecia impossível reduzir o consumo de pães, tortas e outros alimentos que são fontes de carboidratos no dia a dia. Mas, hoje, existem muitas receitas em versões low carb que ajudam qualquer pessoa a seguir este estilo de alimentação de maneira muito prazerosa! Confira ótimos exemplos abaixo!

Receitas low carb para o café da
manhã

  1. French toast low carb: é tipo rabanada, mas, nesta versão low carb, tem cerca de 31 gramas de proteína, 6 gramas de gordura e não possui quantidades significativas de carboidratos.
  2. Pão low carb: o pão é, de longe, o alimento do qual mais as pessoas sentem falta ao começar uma alimentação low carb. Mas, com esta receita, que leva farinha de amêndoas e ovos, entre outros ingredientes, este problema chega ao fim!
  3. Pão de abóbora proteico low carb: a receita rende um pão de cerca de 450g com aproximadamente 75g de proteína, 15g de carboidrato e 15g de gordura. Saboroso, é ótima opção para o café da manhã ou o lanche da tarde!
  4. Pão de minuto low carb: este pão fica fofinho e é perfeito para comer no café da manhã, até mesmo pela simplicidade de preparar! Mas, se quiser, você pode ainda congelar até o sanduíche pronto!
  5. Bolo de coco funcional low carb: essa é uma opção para variar o pãozinho low carb do café da manhã! Você usará farinha de amêndoas, farinha de coco, ovos, óleo de coco, leite de coco, adoçante a gosto, semente de linhaça marrom, proteína de ervilha sabor chocolate e fermento.
  6. Pão de queijo low carb: uma versão de pão de queijo que leva apenas dois ingredientes, ovo e queijos (mussarela e parmesão ralados)! Vale a pena anotar a receita e recorrer a ela quando bater aquela vontade de um pão de queijo clássico e quentinho!
  7. Pão nuvem low carb: ótima dica para quem sente falta do pão no dia a dia, afinal, esta é uma versão bem mais leve. Você usará apenas ovos, cream cheese, queijo parmesão ralado, fermento químico em pó e sal.
  8. Crepe proteico com pasta de amendoim low carb: uma versão low carb que fica bem semelhante a um crepe tradicional! Além da pasta de amendoim, você pode rechear com o que preferir!
  9. Panqueca proteica low carb: existem diferentes maneiras de se fazer uma panqueca proteica! Você pode optar por fazer, por exemplo, de banana, de abóbora ou de batata-doce… De toda forma, o resultado será um sucesso!
  10. Shake de limão proteico low carb: este shake tem a consistência de um recheio de bolo de limão ou de um merengue. Fica delicioso e, ao mesmo tempo, refrescante! A receita é bem simples e, claro, saudável para o seu café da manhã!

Receitas low carb para o almoço

  1. Lasanha de pupunha low carb: uma mistura da Itália com o Brasil! Para preparar, você descartará a massa de farinha e colocará no lugar dela a pupunha fresca, cortada em tirinhas finas no sentido do comprimento. O recheio é feito com molho branco de leite de aveia e carne moída com tomate e manjericão. Mas você pode usar seu recheio preferido!
  2. Rocambole de frango low carb: ótima alternativa para o almoço ou jantar e, também, para variar a forma de se consumir frango no dia a dia. Você usará apenas peito de frango, queijo, presunto, manteiga ou margarina, ovo, tomate, alho, manjericão, limão, pimenta-do-reino preta e sal.
  3. Berinjela gratinada à mineira low carb: um prato vegetariano, único e cheio de sabor. O grande segredo da receita é grelhar as fatias de berinjela, isso evita que ela solte água no gratinado, o que deixaria tudo muito molhado.
  4. Almôndegas de carne low carb: a maioria das receitas de almôndegas é recheada de farinhas e outros ingredientes que tornam a mistura não muito compatível com a alimentação low carb. Mas esta versão, além de low carb, é simples, saborosa, sem glúten e sem lactose… Leva apenas carne e temperos!
  5. Estrogonofe low carb: uma versão mais light do tradicional e amado estrogonofe! Você usará apenas peito de frango em cubos, cebola, alho, polpa de tomate sem açúcar, requeijão de búfala, molho inglês, páprica picante, sal, pimenta e salsinha fresca.

Receitas low carb para o jantar

  1. Pizza com massa de brócolis low carb: esta receita uma ótima opção para a noite (e para quem ama pizza!). Leve e nutritiva, esta pizza, embora não tenha a crocância da massa original, engana bem pelos recheios utilizados. Além disso, a receita é sem glúten e pode ser consumida por quem tem intolerância.
  2. Torta de amêndoas low carb: esta massa é superversátil e você pode fazer a torta com o recheio que desejar. E o resultado é incrível… até mesmo quem não segue a alimentação low carb vai amar! Para a massa, você usará apenas ovos, farinha de amêndoas, queijo parmesão ralado, água, azeite de oliva, sal, pimenta, orégano e fermento em pó.
  3. Panqueca verde low carb: a massa desta panqueca verde sem farinha tem como base ovos e espinafre… É, na verdade, uma omelete bem fininha que dá para enrolar e servir igual panqueca.Você pode variar os recheios e servir com molhos, refogados e muito mais!
  4. Sopa low carb: uma sopa bem levinha, mas que sacia muito bem! Boa dica para os dias mais fresquinhos. Você precisará apenas de abobrinhas, agrião, couve-flor, cebola, temperos secos e água.
  5. Hambúrguer low carb: esta receita rende quatro porções de 100g e o bom é que os hambúrgueres podem ser congelados para serem consumidos posteriormente também. Você usará apenas carne vermelha (como patinho, por exemplo), molho inglês, alho em pó, ervas secas e sal.

Receitas low carb para lanche/sobremesas

  1. Barrinha de chocolate com coco low carb: está de dieta e bateu uma vontade de comer um chocolate, especialmente um Prestígio?! A boa notícia é que, como o coco é um ingrediente com quantidade baixinha de carboidratos, dá para matar a vontade sem sair da dieta. Anote a receita desta barrinha deliciosa!
  2. Snack de grão-de-bico low carb: sem ideia do que petiscar na hora de assistir aquele filminho no fim de semana? Grão-de-bico bem temperadinho e assado é uma ótima opção, além de ser fácil de fazer, proteico e cheio de nutrientes.
  3. Nuvem de suspiro com geleia de morango low carb: ótima opção para quem ama suspiros mas não pode comer carboidratos. Excelente dica para uma sobremesa durante a semana. Você usará apenas claras de ovos, adoçante e geleia de morango sem açúcar.
  4. Bolinho de chuva com canela low carb: uma maneira mais leve de saborear estes deliciosos bolinhos com sabor de infância! Você precisará de farinha de amêndoa, farinha de coco, fermento em pó, canela em pó, sal, leite de coco, manteiga sem sal, adoçante, ovo e óleo.
  5. Brigadeiro low carb: quem disse que não é possível comer brigadeiro quando se está de dieta? Para manter a quantidade de carboidratos baixa, enrole os brigadeiros em cacau em pó 100% ou granulados de chocolate meio-amargo.

Quem disse que a alimentação low carb precisa ser monótona e sem graça? Essas receitas provam que há muitas maneiras de se diminuir o consumo de carboidrato sem deixar de saborear comidas deliciosas!

Gostou? Comente… E veja nossos outros posts.